logo IMeN

Alimentação equilibrada - como educar e orientar os pacientes

Alimentação equilibrada, como educar e orientar os pacientes

Nutricionista Tanise Amon - IMeN

Dr. Daniel Magnoni
Continuadamente, o profissional de nutrição recebe pacientes no consultório procurando por dicas e normas sobre alimentação saudável.
No site do IMeN e em muitas revistas especializadas, encontramos uma infinidade de dicas e orientações, no entanto, o bom senso nesse relacionamento, aliado a informações precisas, pode ser o diferencial do sucesso profissional
Vejam algumas considerações:

Os pacientes precisam saber:

Não existe mistério, a alimentação equilibrada é uma grande aliada ao bem estar e bom funcionamento do seu organismo. Muitas vezes o aparecimento de unhas quebradiças, cabelos opacos e pele ressecada estão associados à deficiência de vitaminas e minerais que o mau hábito alimentar proporciona.

Atualmente, incluir alimentos saudáveis ricos em nutrientes e substâncias amigas da sua beleza não necessita de muito sacrifício. Cada vez mais as indústrias e empresas alimentícias estão preocupadas em produzir alimentos saudáveis com boa aceitação do consumidor, ou seja: Alimentos saudáveis e gostosos! Isso não é o máximo?

Os pacientes precisam ter motivação

Portanto mãos a obra! Sua força de vontade é importantíssima neste momento. Tratamentos estéticos não devem ser desprezados, porém somar forças com uma dieta equilibrada é essencial. Sua meta agora é incluir gradativamente alimentos nas suas refeições diárias que irão amenizar os processos de envelhecimento e proteger o seu organismo de agressões indesejadas.

Dicas:

Um prato colorido é a garantia de estar ingerindo diversas vitaminas e minerais. Portanto invista nas saladas e legumes variados.

A hidratação é muito importante para uma pele saudável e processos de reprodução da célula. Caso a água não seja muito atrativa, uma boa opção são os sucos naturais e chás como o branco e verde que apresentam concentrações significativas de polifenóis, entre outros antioxidantes. Essas substâncias ajudam a neutralizar os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento celular.

Alimentos como a beterraba, cenoura, abóbora, mamão, manga e a batata doce são ricos em betacaroteno. Quando transformado em vitamina A em nosso organismo, atua na recuperação da pele e faz parte do processo de formação da melanina, pigmento presente na pele responsável por protegê-la dos raios solares e conferir o bronzeamento.

As sementes são boas aliadas às pessoas fisicamente ativas. Energéticas, apresentam alto teor de proteína vegetal, vitamina E (antioxidante) e do complexo B que são responsáveis pela qualidade da pele, olhos, nervos, cabelo e boca. Sejam bem vindas!

As frutas, normalmente apresentando baixas calorias, água e nutrientes devem estar sempre presentes. Depende de você investir em opções criativas e saborosas. Dificuldade em levar para o trabalho? As frutas desidratadas são uma boa opção, mas evite as fritas e carameladas.

A alimentação equilibrada, como o nome diz, é a união de diversos alimentos na dose correta. Em porções menores as opções menos saudáveis, que proporcionam felicidade e prazer, também são aceitáveis. Escolha um momento na semana para degustar de seu prato favorito, reúna a família e coma sem culpa. Sinta-se recompensada após ter passado por um longo tempo cuidando do seu corpo e mente!

 

Fontes: www.nutricaoclinica.com.br, acessado em 28/02/ 2009

 

IMeN - Instituto de Metabolismo e Nutrição
Rua Abílio Soares, 233 cj 53 • São Paulo • SP • Fone: (11) 3287-1800 • 3253-2966 • administracao@nutricaoclinica.com.br